sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

O tão sonhado quartinho

Ter um quartinho só para o Di era o meu sonho quando ele ainda estava na minha barriga.
Nós moramos em um apartamento de 2 quartos que tem cada cm2 mobiliado.
Já não há espaço para mais nada.
Quando éramos só um casal; um dos quartos era nosso; o outro era escritório.
Quando fiquei grávida, resolvemos adaptar um cantinho do nosso quarto para dividi-lo com o Di.




Assim, ele estaria ali pertinho de nós e o papá também não estava muito de acordo em desfazer o escritório.
O Di nasceu, foi crescendo e eu continuava sonhando com o quartinho dele.
Aos poucos, o papá foi se apercebendo da necessidade de um espaço só para o nosso pequeno....
E eis que a "gota d´água" ocorreu no Brasil.
Fomos a casa de uma  querida amiga com 2 filhos.
Quando o Di entrou no quarto do mais novo e viu aquilo cheio de prateleiras abarrotadas de brinquendos, ficou maravilhado.
Olhou para mim e soltou um: "Mãe, tantos !"
Aquela frase e aquela carinha encantada foram o suficiente para convencer, de vez, o papá de que era hora de fazer o quartinho do Di.
Assim que chegamos do Brasil, essa foi uma das primeiras providências dele.
Foi um tal de arrasta móveis, muda de um lado para o outro e enfim chegamos ao resultado final.



O mais engraçado é que já tínhamos tudo.

Foi só dar uma repaginada.
A única coisa que compramos foi mais um jogo de números para colocar no chão


Foi uma grande trabalheira ter que mudar os móveis de lugar e reorganizar tudo, mas valeu a pena !
Ficamos muito contentes com o resultado, especialmente, porque foi tudo de improviso, sem projeto, nem móveis feitos por encomenda.


O melhor é que o Di vibrou com tudo.
Ele adora ficar no quartinho brincando ou vendo DVD.
Está todo orgulhoso.
Não pode chegar alguém em casa que ele leva logo para mostrar o cantinho dele.



Bem, se ele dorme lá sozinho, isso são outros quinhentos...
Óbvio que uma criança que passou toda a vida ( 2 anos e meio) dormindo com os pais não ia gostar de dormir sozinho de uma hora para outra.
Não estamos forçando a barra.
Estamos tentando fazer tudo de uma forma natural.
Houve dias que fiquei com ele lá até ele dormir.
Houve outros que ele adormeceu conosco e depois o levamos para o cantinho dele.
Houve dias que ele dormiu a noite inteira.
Houve noite que acordou chorando e veio para a nossa cama.
Enfim, devagar a gente chega lá...

Um grande abraço a todos e um ótimo fim de semana

7 comentários:

Genis disse...

Miga, aqui temos 3 quartos, mas JM continua no meu quarto...rsrsr
Mas antes que acabem as férias, vou fazer a mudança!!!
Beijos!

Tuka Siqueira disse...

Que lindo que ficou! Parabéns!

bjs

Cida Kuntze disse...

Débby adorei o quartinho do Di.
Ficou muito lindinho mesmo.
Olha, vá mesmo com paciência, pois aos poucos ele vai acostumando dormir no quartinho dele.
É só uma questão de tempo. Façam isso mesmo, coloquem ele lá dormindo, ou vc fica lá até ele dormir. Quando não dá fica com vocês, enfim... uma hora ele já vai estar tão grande que a cama pros três vai ser pequena...rsrsrs.
Com paciência e amor vocês chegam lá!
Beijinhos e uma abençoada semana.

Recanto das Mamães Blogueiras disse...

Débby, tudo lindo.
Passando pra agradecer sua presença constante no Recanto e deixar um super beijo de toda Equipe.

Rose disse...

oi!! Debora ficou lindo mesmo!!aqui em casa é tudo junto por a casa é muito pequena e eu tambem sonho com um cantinho assim para eles que sabe um dia grande beijo!!!

Sandra disse...

O quarto ficou lindo e acolhedor.
Aos pouquinhos ele vai-se habituando ao cantinho dele.
Bjs.

Simone Scharamm disse...

Oi, Débora,
O quartinho ficou uma graça! Muito bom para a criança ter o seu próprio espaço de baguncinhas!rs!
Beijos!