segunda-feira, 28 de Novembro de 2011

Nossos presentinhos de Natal

A crise que assola a Europa e Portugal, em especial, afetou 90% da população - talvez.
E em tempos de menos dinheiro no bolso, entra a criatividade para não deixar de dar presentes no Natal.
Aqui em casa, estamos adotando esse lema !
Vejam como nosso pinheiro já está recheado de lembrancinhas !


Bem, pessoal, para falar a verdade, esses não são realmente nossos presentes de Natal.
São uns "cartões" que eu e o Di preparamos para ele dar aos tios, avós, padrinhos...
Resolvemos unir o útil ao agradável:
1 - Passar uma tarde bem ocupada e desenvolver com ele várias atividades
2 - Fazer lembrancinhas para as pessoas queridas

Tudo o que precisamos foi:

- Folhas de papel em branco
- Tinta para pintar com os dedos
- Gliter em pó
- Bolinhas de chocolate
- Giz de cera
- Fita adesiva dupla face
- Muita, muita paciência (rsrsrsrsrs)

Bem, foi o primeiro contato do Di com tintas.
Estava ansiosa por esse dia.
Comprei logo uma que pudesse ser usada para ele pintar, sem ajuda de pincéis.
Arrumei todo o material bem empolgada, mas esqueci um pequeno detalhe.
Meu filho não gosta nem um pouco de sujar as mãos.
Como não pude lembrar isso ?
Aí foram longos minutos tentando convencê-lo a meter o dedinho e as mãos na tinta.
Mostrei várias vezes como se fazia, como podia ser uma brincadeira legal e ele resistia.
Só depois de muito tentar, ele aceitou.
Aí foi uma festa !


Eu segurava o dedinho dele e o ia ajudando a desenhar pinheiros.


Em seguida, jogávamos gliter por cima para dar um brilho natalino.
E quando ele começou a gostar da coisa, até topou colocar a mão toda na tinta.


Divertimo-nos bastante.
Uma pena que não tivesse mais ninguém em casa para tirar uma foto das nossas mãos melecadas ! rsrsrsrs
Depois que a tinta secou, passamos para a parte 2:
Fazer as dedicatórias e colar as bolinhas de chocolate na folha, usando a fita adesiva dupla face.
O resultado final foi esse:


De acordo com o número de "destinatários" do cartão era o número de bolinhas que colávamos na árvore !


Fica, então, essa minha sugestão de atividade para vocês fazerem com seus filhos.
Espero que tenham gostado !

Um grande abraço e uma semana lúdica a todos !

quinta-feira, 24 de Novembro de 2011

Já estamos prontos

Ontem, foi a inauguração oficial da decoração de Natal aqui de casa.
Já tínhamos arrumado o pinheiro, mas ficaram faltando alguns detalhes que só fora concluídos esta semana.
Para quem acompanha o blog há algum tempo vai ver que ficou bem parecida com a do ano passado.
Quem não viu, dá uma olhadinha aqui.
Como eu, o Di está se mostrando um apaixonado pelo Natal.
E vocês nem imaginam a euforia dele no dia que começamos a enfeitar a casa.
Quando trouxemos a caixa grande do pinheiro, ele saltava, gritava, batia palmas.
Tadinho, era uma alegria só !
E ajudou-nos bastante.
Ia buscar os galhos, os enfeites... e o que mais gostou: os chocolates que penduramos na árvore.
A apotesose foi quando apagamos as luzes e acendemos o pinheiro.
Delírio total !
Agora vamos deixar de blá-blá-blá e ver como ficou...


Apesar da pouca qualidade das fotos só com as luzes das velas e do pinheiro, resolvi mostrar como fica... 


Porta de entrada por fora


Esse arranjo é exclusivo, pois é uma criação minha.
Vocês gostaram ? 
Quem quiser saber como eu fiz, dá uma passadinha lá no Comemor´arte.


Porta de entrada por dentro


As nossas meias esperando o Papai Noel e o sininho de porta que o Di adora brincar.


Quem entra em casa...


... e do ângulo oposto


Vocês lembram da minha decoração do Halloween ?
Quem não viu, dá uma passadinha aqui.
Eu gostei tanto dos fantasminhas pendurados no lustre que resolvi repetir a idéia, só que desta vez, com estrelas. Afinal, elas são bem mais apropriadas para a data...rsrsrsrs



O móvel da entrada ficou assim...


Na parede, colei um "Feliz Natal" e fiz uma árvore de fitas com bolinhas e, em cada uma delas, uma foto que marcou-nos nesse ano de 2011


Gostaram da idéia ?
Eu achei que ficou bem legal !


No móvel, meu tradicional presépio; detalhe para o pinheirinho de verdade !


As velas não podiam faltar...
( A cestinha do papai noel tinha balas de frutas, mas tive que tirá-las de lá pois o Di estava sempre a comê-las...rsrsrs)


E os meus desejos a todos os amigos e pessoas queridas


No chão, coloquei de novo, pinhas no vidro e as minhas velinhas...


Por fim, o nosso pinheiro


Além das bolas tradicionais, bolas de chocolate; para delírio do Dieguinho


Bem, gente, é isso...
Espero que vocês tenham gostado.
E quem ainda não enfeitou a casa, possa se entusiasmar e fazer a decoração também.
Que o espírito de Natal contagie, desde já, a todos !

Um grande abraço e um ótimo dia pra nós !


segunda-feira, 21 de Novembro de 2011

Chegou a minha vez !

Olá Pessoal !
Desculpem o sumiço da semana passada, mas estive ocupada com uma encomenda para mais uma festinha.
Oba !!!
O tema foi Princesas da Disney.
Quem quiser dar uma olhadinha no meu trabalho, é só fazer uma visitinha ao meu outro cantinho o Comemor´arte.

Agora voltando às minhas peripécias com o meu filhore, quero partilhar com vocês o nosso novo momento...
Sempre que eu lia em blogs de mamãs sobre aquela fase inicial da fala das crianças eu ficava babando...
Eu morria de rir com o relato de situações ou coisas engraçadas que os pequenos diziam.
E sempre me perguntava quando o meu Di ia fazer o mesmo.
Eis que chegou a nossa hora !!!
O Di está cada dia mais esperto e anda falando pelos cotovelos.
Agora passa o dia inteiro perguntando:
"Mãe, o que é isto ?"
E, às vezes, faz a mesma pergunta 2, 3, 4 vezes para o mesmo objeto.
Ai minha paciência!
E como ele ainda não diz as coisas corretamente, sai muita coisa trocada e isso tem nos divertido imenso.
Agora chegou a minha vez de relatar coisinhas engraçadas.
Vamos a elas...

Ontem, fomos a casa de uns amigos que tem uma cadelinha chamada Puca.
Meu filho, louco por cães, não saia de roda do animal.
E quando o perdia de vista, desatava a gritar: "Puta, puta, anda, anda !"
Foi a piada do domingo !
Mesmo que falássemos o correto para ele repetir, nada dele querer falar Puca, era só puta !

Tem saído cada uma daquela boquinha...

Elefante é "etante"
Pizza é "pisa"
Chocolate é "coate"
Água é "áua"
Sapatos é "papatos"
Chão é "tão"
Feio é "peo"
Mickey é "Mimei"
Batata é "tatata"
Natal é "atal"
Porta é "pota"

E por aí vai, gente !
Está muito engraçadinho o meu filhote.
Sem contar nas vezes em que ele repete imediatamente algo que ouve.
Estamos curtindo imenso mais essa fase !

Uma semana maravilhosa a todos, de preferência, com muitas risadas !

sexta-feira, 11 de Novembro de 2011

O fascínio pelo Natal

Sempre adorei essa época de Natal.
Além de tudo ficar mais bonito e iluminado, sinto que há algo diferente no ar.
Acho que a chegada do fim de mais um ano faz as pessoas refletirem, as torna mais sensíveis, há mais carinho, simpatia e solidariedade por todo lado.
Vibro mesmo quando Dezembro se aproxima.
À parte do significado religioso, penso logo em decorar a casa, nos presentes, na reunião da família...
Gosto imeno de tudo isso !
Quando era criança, Natal só significava ganhar brinquedo.
Qual criança não pensa o mesmo ?
Mas lembro de também adorar ver tudo decorado e iluminado.
E essa minha paixão acabou passando para o meu filho.
Lembro bem que, ano pasado, o Di tinha pouco mais de um ano e vibrou quando fomos armar o nosso pinheiro.
Quando íamos aos shoppings, ele admirava as luzes e não parava de apontar para tudo.
Esse ano, as cores do Natal já andam por aí.
E quando soube que o shopping perto de nossa casa estava todo bonito, apressei-me logo em levar meu pequeno.
Não deu outra !
Assim que entrou no shopping e viu aquela decoração iluminada, foi logo gritando:
"Mãe, atal, atal !" (p.s. atal quer dizer natal, rsrssrs)
Achei tão engraçado e bonitinho o jeitinho dele.
Ficou todo encantado !
Agora vos deixo um pouquinho das imagens que deixaram meu filho maravilhado...





E o principal...


O enorme pinheiro com o cantinho especial para as crianças.


Como no ano passado, dentro dessa árvore gigante tem um mini-parquinho para a meninada se divertir !


Ano passado, o Di adorou brincar ali dentro.
Mesmo ainda sendo pequenino, ele lá ia no meio dos grandes...
Esse ano, ainda não deixam entrar na árvore.
Acho que só depois que for a inauguração oficial com a chegada do papai noel.


Por essas bandas, o papai noel,ou melhor, o pai natal chega geralmente no dia 1 de dezembro.
Não vou perder a data e vou levar o Di para ver, pela primeira vez, esse grande evento !
   
Que a magia do Natal comece a contagiar os vossos corações assim como já fez com o meu !

Um grande abraço e um ótimo fim de semana a todos !

segunda-feira, 7 de Novembro de 2011

Essas crianças !!!!

Sempre fiquei surpreendida com crianças de 7, 8, 9 anos dominando muito melhor as novas tecnologias do que eu...
Bem, devo confessar, que não sou grande conhecedora do assunto.
Mas ver meninos e meninas tão interessados em celulares, outros aparelhos de última geração e coisas do tipo sempre me surpreendeu...


Indiscutivelmente, a curiosidade e o interesse por novidades os levam a andar quilômetros de distância de muitos adultos (como eu)...
Lembro que de mim para os meu pais, já houve um "grande salto".
Quando comprei um computador lá para casa, eles nunca nem se interessaram em saber onde ligava.
Sabiam para quê eu o usava: os trabalhos da faculdade, o acesso à internet, mas não passava disso.
Não evoluí muito...
Continuo usando o pc quase para os mesmos fins (tirando os trabalhos da faculdade)...
Mas aqui em casa tem uma baixinho de pouco mais de 2 anos que já entende  muuuuuuiiiittto de computador (para a idade que tem).
Se estou a brincar ?
Que nada !


Temos um computador, um laptop.
Desde os primeiros dias de vida, o Di sempre me viu usá-lo: apertar as teclas, passar o dedo naquele quadradinho para mexer o cursor, etc...
Quando eu soube da existência da Galinha pintadinha, fui procurar os vídeos no You Tube.
Comecei a mostrá-los e ele adorou !
Quando acabava um, apontava para a tela indicando outro que queria ver.
Foi assim até a minha mãe mandar os DVDs do Brasil.
Mas ele nunca deixou de se interessar pelo computador.
E sempre que me via ou o papá usando o "bicho" lá estava ele com o dedidinho querendo participar.
E não é que de tanto ver, ele acabou por aprender a usá-lo ?
Pois é...
Hoje quando acaba um vídeo do You Tube, ele já não aponta mais para o próximo que quer ver.
Vai ele próprio com o dedinho, mexe com o cursor e já entendeu que tem que colocar o cursor em cima do objeto desejado: quando muda de cor, ele clica e já está.
É incrível como faz tudo sozinho.
Fico impressionada como uma criança de 2 anos consegue tanto.
É mesmo muito engraçado vê-lo mexendo com o dedinho e clicando, parecendo gente grande !  

E os filhos de vocês ?
Também são assim interessados e descolados quando o assunto é tecnologia ?

Uma ótima semana a todos !


sexta-feira, 4 de Novembro de 2011

O bom e o mau de ser o primeiro !

Eu fui a primeira a nascer lá em casa ..
Meu marido também é o primogênito...
...e o Di, nosso primeiro filho !
Como tudo nessa vida, ocupar esse lugar na família tem suas vantagens e desvantagens...
Acho que o primeiro filho é o que mais recebe amor, carinho e mimos.
Não que os pais gostem menos dos que vêm a seguir.
Mas o primeiro reina única e exclusivamente !
Tudo é para ele, não há com quem dividir.
Basta olhar aqui em casa.
Não obstante ser nosso primeiro filho, o Di também foi o primeiro neto para os meus pais e meus sogros.
Já dá para imaginar a babação !
Além de receber o amor de todos, ele era a única criança a ganhar presentes e toda a atenção.
Ele ganhou tantas coisas que chegamos ao "absurdo" de termos 2 carrinhos de bebê, 2 motos para ele brincar, triciclo, roupas que mal vestiu uma vez e uma infinidade de brinquedos.
Quem dera muitas crianças terem pelo menos a metade !
Com relação a mimos e cuidados, nem se fala !
Sem contar que, como única criança, também virava o centro das atenções aonde ia: na casa dos meus pais (agora já tem a filha do meu irmão para fazer parte do espetáculo!), na dos tios, na minha sogra, enfim !!Todo mundo não tira os olhos dele para ver qual será a próxima gracinha.
Todo mundo vibra se ele dança, bate palmas, dá um sorriso e até se faz asneira.
O que tem isso de mal ?
Nada e tudo !
É ótimo ser assim tão paparicado.
Mas, às vezes, tenho receio que isso ajude a "criar" um adulto egocêntrico que se ache o centro do universo, que ache que possa ter tudo.
Exagero ?
Talvez, mas como já diz o ditado, tudo demais é veneno.
Sei que cabe aos pais educar e "moldar" a pequena criaturinha que têm nas mãos.
Mas quando se é o primeiro filho é difícil fugir dessa sobrecarga de amor e mimos.
Eu tiro por mim...
Tenho medo de ter um segundo filho, pois tenho receio de não amá-lo tanto quanto amo o Di.
Penso que já não vou poder dar-lhe toda a minha atenção e a minha energia.
Penso, penso, penso... e penso que independente de ter outro filho, preciso ser uma mãe ponderada.
Preciso amar e também educar.
Preciso ensinar limites, dar responsabilidades.
Preciso dar as bases para que meu filho seja um adulto admirável.
Que seja um homem de bem e não um eterno menininho mimado.

E com vocês ? 
Qual a vossa experiência sobre esse assunto ?

Um final de semana maravilhoso a todos ! 

quarta-feira, 2 de Novembro de 2011

O nosso Halloween

Eu, como toda boa festeira, vivo procurando um motivo para comemorar...
E eis que, com a chegada do Halloween, acendeu aquela luzinha:
"Por que não fazer alguma coisa para marcar a data ?"
Fiquei entre o "sim" e o "não" vários dias.

Do lado dos "prós" estavam: colocar a mão na massa e deixar a criatividade fluir (coisa que adoro !), fazer uma festinha (adoro !), ver a casa cheia (adoro !) e satisfazer o Di que, de uma hora para outra começou a imitar monstros pela casa.
Pensei... não há oportunidade melhor para entrar no clima e permitir que meu pequeno divirta-se com essa brincadeira.

Do lado dos "contras" estavam: essa não é uma festa popular por aqui, o povo nem valoriza, ninguém vai entrar no clima, não estou podendo gastar muita grana para investir em decoração tal e tal...

Mas meu lado mãezona e apaixonada por festas acabou por falar mais alto.
E em cima da hora, com tudo feito no próprio dia, acabei por preencher a casa com o clima de dia das bruxas.
Ficou uma decoração simples, aproveitando tudo o que já tinha.
Comprei pouqíssimas coisas, embora meu lado consumistas quisesse ter investido numa bruxa e num esqueleto.
Bem, o produto final foi esse que vos mostro a seguir...
Tudo feito de improviso, mas com muito amor e carinho.
O resultado não poderia ter sido outro.
Meu filho e dois amiguinhos adoraram, divertiram-se e deliciaram-se com os doces.
Foi mais uma prova para mim... de que, mesmo com simplicidade, podemos transformar esses momentos em algo especial...
Agora vão os registros ! 

A decoração



Buffet de entrada


Minha abóbora improvisada


Na falta de uma "bruxinha de verdade", a criatividade fez com que ela aparecesse assim...


O efeito com as luzes apagadas... acho que ficou bem legal !


A "mesa" de doces para os pequenos


Marshmallows, balas de frutas e gomas em forma de dentes de vampiro !
Nem preciso dizer que as crianças adoraram, né ?




















As guloseimas ficaram assim no escurinho...


Teve até "fantasminhas" pendurados para fazer medinho aos meninos...



Mas medo que nada !
Eles gostavam mesmo era de soprar para vê-los voar !
Enfim, foi uma noite em grande.
Nunca pensei que, em tão pouco tempo, e com tão poucos recursos, fosse conseguir um resultado que me agradasse tanto.
E melhor ainda foi ter me divertido imenso com meu filho.
Antes dos amiguinhos chegarem, corremos pela casa um atrás do outro imitando monstros... fazendo "uuuuuuuhhhhhhhhh"!
Nossa, o Di era só gargalhadas !
E com a entrada da casa só com a luz das velas, até o papá entrou no clima e brincou de fazer medinho ao Di.
Ele adorou, a casa encheu-se de alegria e é isso que importa.
São esses momentos que ficam marcados pra sempre na nossa memória.

Olhem aí meu pequeno !


Vê-lo fazendo "uuuuuhhhhhh" com essa máscara para os amiguinhos e se divertindo não teve preço.
Não imaginava que ele fosse curtir tanto a festa e sendo assim me prometi que nunca mais vou deixar a data passar em branco.
Vou sempre fazer algo para comemorar o Dia das Bruxas com meu filhote, por mais simples que seja !

Para quem gostou e quer ver mais detalhes dessa "micro-festa", faz uma visitinha ao meu outro cantinho:
Lá tem mais fotos e outras coisinhas da decoração que não coloquei aqui.

Um ótimo dia a todos e para quem está no Brasil, um bom feriado !